19 janeiro, 2012

Page 19 of 366

2012 começou estranho. Um sentimento de desânimo tomou meu corpo como não havia há meses. Eu sei a culpada disso tudo. É a primavera que faz a gente sonhar demais para no calor do verão tudo derreter. No outono vai sempre como sempre é, as folhas caindo no quintal, só não o meu amor, porque ele é imortal. RSSSS. Desculpa, não resisti plagiar um pouco Sandy & Junior.

Então, até a palavra "derreter" tava sério esse post. Eu fui contaminada por uma TPM extendida. Não sei o que causou isso. Só não tive mais vontade de levantar da cama de manhã, de trabalhar. Até que um dia eu estava a caminho do trabalho e ouvindo uma música meio que acordei: se eu continuar com essa postura, certo que esse ano vai ser uma porcaria. 2011 só foi maravilhoso porque eu fui atrás disso, mantive-me positiva diante dos desafios e me dei bem. Enfim, depois de uma semana com pena de mim mesma eu me toquei do quão ridícula eu estava sendo.

A novidade desse verão é que estou tomando café. Sim, café preto. Nunca gostei e ainda não gosto, mas está virando necessidade. Eu sei que isso é a informação mais inútil que vocês leram hoje, mas tô nem ae. Agora já leu, hahaha. Brinks, eu sei que ninguém lê meu blog. As vezes eu recebo uns comentários, mas a decepção é grande quando vejo que é só propaganda para eu visitar o blog da outra pessoa. Tudo bem, pode vir fazer propaganda, mas, PELO MENOS, leia a postagem, faça um comentário sobre o pensamento que expus. Eu faço questão de não visitar o blog de vocês quando recebo uma mensagem dessas. Poxa, falta de consideração esse fingimento. Tudo bem que posso escrever nada com nada, mas eu escrevo o que eu gosto aqui, tenho um carinho gigante por todas as postagens. Elas não foram vomitadas aqui. Foram pensadas, elaboradas (as vezes nem tanto). Enfim, momento revolts, haha.

Mas isso tudo é coisa das férias. É muito pensamento para pouco contato com amigos e muito ócio, haha. Inclusive foi esse ócio que me fez gravar o vídeo abaixo:
Essa música é simplesmente fantástica. Na voz da Adele, aquela linda, nem se fala. E ela diz tanto, sabe. Não só a letra. A melodia me leva a uma reflexão muito profunda. E aí vejo como a música tem poder. A música é a alma da pessoa falando. E, por incrível que pareça, as pessoas sentem de modos extremamente similares. Incrível porque a gente é tão único, mas no fim, todo mundo é tão parecido. Isso faz sentido? Cada um com um código genético único entre bilhares de pessoas...mas buscando, no fundo, as mesmas coisas. Nossa, estou confusa com meu próprio pensamento. HAHAH Colocar em palavras o que está na cachola nem sempre é simples. Enfim, essa música é apaixonante. Quem nunca se sentiu assim por uma pessoa? Disposta a fazer o que fosse para que ela sentisse seu amor? Certo que sim. Porque a vida é assim. Milhares de decepções até, quem sabe, um acerto. Vejam a versão da diva master:
Demais, né? Adele diz ao ser questionada pelo seu tipo físico que ela canta para ser escutada e não vista. Olha, só posso dizer que essa mulher é foda. Ela é a heroína de todas as pessoas que estão cansadas de se sentirem fora dos padrões de beleza da sociedade. A verdade é que muita gente pensa isso e fala, mas falta alguém com "status" liderar a causa. Adele está aí, linda, glamurosa, elegante para colocar todas as "mulher-fruta" no chinelo. Aliás, sem querer ofender, mas que tipo se pessoa de expõe desse jeito para conseguir fama??? Isso é se HUMILHAR. Mulheres, tenham amor próprio. Chega de fotos "sensualizando" no facebook. Ganhar 37219837982312 likes e ser assediada por qualquer mané te faz feliz? Que felicidade estranha. É nesses momentos que vem a frase "não julgue ninguém" na cabeça. Tá, vou tentar não julgar. Fim de papo.

Eu achei que eu não tinha nada pra escrever no blog e vim aqui só pra inaugurar as postagens pro ano de 2012. Afinal, eu tenho o que falar. E teria muito mais. Mas estou com sono e vos deixo. Acho que vou ter que fazer isso mais vezes, hahah.

7 comentários:

DIEGO NEUMANN disse...

Oi Nati... entra lá no meu blog: http://diegoneumann.blogspot.com/
Abraços, tchau.













KKKkkkkkkkk

Brinks.... Vou comentar também. hehehehe
Gostei da postagem. Cada vez mais eu vejo uma futura escritora de colunas de algum jornal famoso escrevendo aqui.
O que um post, artigo ou coluna precisa ter/ser pra considerado como bom? Pra mim tem que ser realista, verdadeiro. E é isso que vejo em suas postagens: a realidade. Parabéns. Que Deus continua a lhe iluminar. Bjusss.

Natália Scholz disse...

HIAHUIAHUIHAIUHUIHA
Brigada!!
Eu quase ia comentar com um "¬¬ não acredito nisso" UHAUHAUHA
Ainda bem que desci a página!!

Beijos!

Rafaela Kley disse...

Nati, adorei teu post. Bem tu! Quando a minha internet for melhor vou querer ver teu vídeo! Deve tá ótimo!

E esse desânimo tem nome: saudades de mim! Hahahahahahahaha! Beijão

josiascavalcant disse...

Muito massa!

legal também a parte que diz: "foi maravilhoso porque eu fui atrás disso, mantive-me positiva diante dos desafios e me dei bem."
Adorei te conhecer, (pera aí eu nem te conheci ainda hahahah, falamos : "oi")
mas passou essa imagem de pessoa positiva e determinada, sei q ninguém é assim o tempo todo e que temos altos e baixos, mas continue pra cima =)



mega massa a tua interpretação de Adele, muito tri!!!!!

Natália Scholz disse...

Opa, brigada pelos comentários!
Sim, Rafa, é a saudade! HAHAH =PPP

Beijos

Keila Bárbara. disse...

Gostei de vc... Teu humor suave e sincero...
agora não tem jeito... vou te seguir! ahahah

Natália Scholz disse...

Keila, muito obrigada pelo comentário! Fiquei muito feliz =DD
E obrigada por seguir!
Beijos